Ótica Visual

Ótica Visual

quinta-feira, 13 de julho de 2017

Governo libera R$ 10 milhões para obras na barragem Armando Ribeiro Gonçalves

O Governo Federal anunciou o empenho de R$ 10 milhões, no Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS), para as obras de recuperação e modernização da Barragem Armando Ribeiro Gonçalves. A ordem de serviço será assinada nos próximos dias. O projeto vai permitir a recuperação e a modernização da barragem, permitindo a entrada das águas da transposição do São Francisco. O investimento total é de R$ 16,9 milhões.
É com muita alegria que anunciamos essa importante conquista para o Rio Grande do Norte. As obras na Armando Ribeiro Gonçalves são fundamentais para que o estado receba as águas da transposição. O empenho está garantido e a ordem de serviço será assinada em breve”, comemora o deputado federal Walter Alves (PMDB) ao receber a notícia do governo.
As obras na Armando Ribeiro Gonçalves – maior reservatório de água do Rio Grande do Norte – fazem parte do Projeto de Integração do Rio São Francisco com as Bacias Hidrográficas do Nordeste Setentrional (PISF).
O prazo estabelecido para execução das obras é de nove meses consecutivos. O processo licitatório, concluído pelo DNOCS, teve como vencedor o consórcio formado pelas empresas Heca Comércio e Construção Ltda. e Opemacs Serviços Técnicos Ltda. O mesmo consórcio foi responsável pelas obras nos reservatórios Castanhão, no Ceará, e Boqueirão, na Paraíba. De acordo com o Termo de Referência das obras, as atividades na Armando Ribeiro compreendem o desenvolvimento dos seguintes serviços:
• Recuperação dos maciços da barragem principal e diques, compreendendo: limpeza e recuperação dos taludes de montante e jusante, drenagem superficial do coroamento e área de jusante;
• Recuperação do vertedouro;
• Recuperação dos canais de aproximação e restituição do vertedouro e da estrutura de fixação da soleira do vertedouro;
• Recuperação do sistema hidromecânico e estruturas de entrada e saída da tomada d’água;
• Recuperação do sistema de instrumentação;
• Implantação do sistema de automação;
• Instalação de equipamentos de monitoramento hidrométrico e estações hidrometeorológicas automáticas.
Fonte: Defato.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário